GLEE – FUNK (1X21)

Honestamente não sei por onde começar para falar do 21º episódio de Glee, “Funk”. Sempre percebo muitos fãs falarem, “Acafellas” o pior episódio da série e de fato foi, mas podemos acrescentar mais um?? Se sim, coloquem Funk na lista. Glee realmente, ao menos para mim, e alguns amigos que assistem e comentamos, não é a mesma Glee dos excelentes episódios 7 ao 13. O retorno está muito a desejar. Do episódio 14 ao 21, eu não consigo dizer “nossa esse episódio foi excelente, foi todo bom”. Não mesmo, houveram momentos bons, salvando certos episódios, mas no geral foram episódios ruins e de roteiro muito mal trabalhado. 21º episódio de uma temporada deve e precisa ser ótimo, forte, intrigante, e esse realmente foi o oposto disso. Ao invés de fazer você ficar ansioso pelo próximo episódio, nesse caso, a season finale, ele foi um típico episódio que deixa você com vontade de desistir da série (o que não vou fazer). Mas ele não me deixou nem um pouco animado para a finale semana que vem.

Primeiro, músicas péssimas. Todas. Salva-se a música de Quinn, excelente e finalmente um solo para ela. E a música de Puck com Finn. A do final até foi legal. Mas no geral, todas as musicas do episódio não me deram a menor vontade de colocá-las no mp3 e sair ouvindo. Segundo, 6 músicas num episódio. Realmente Glee esqueceu que precisa de diálogos e está achando que com músicas o tempo todo o episódio funcionará, mas não, não funciona. Terri voltou a aparecer, assim como o professor maconheiro. E confesso que fiquei com dó de Terri na cena da separação. Só não entendi a necessidade das demais cenas dela, muito menos da cena ridícula musical na loja dela. Alguém pode me dizer por que daquilo? E o clima entre ela e Finn foi para quê? Vai ter continuidade ou foi uma cena perdida no episódio? Nota: zero!!!!

Will boring. Mil vezes boring. Acho que Will vai conseguir o título do pior personagem ever de séries de tv. Fala sério. O cara é um babaca. Sem personalidade, maria vai com as outras, chato e abobado. O que foi aquilo ele incentivando os alunos a irem se vingar do vocal adrenalina? Sinceramente, ele é mais adolescente do que todo o New Directions. E falando em Will me vem a mente a questão do humor negro. Glee apelou e exagerou na dose nesse episódio. Todas as cenas de Will com Sue, sua vingança foram extremamente desagradáveis. Eu achei um episódio estúpido, pesado, dark. Foi sem dúvida um episódio muito desagradável, o limite entre maldade e ingenuidade foi totalmente transposto. Foram cenas perturbadoras. Mesmo Sue merecendo talvez uma lição, foi muito ruim de se ver. Foi baixo. Will jogou baixo. Nota: zero!!!

Outra coisa. A dança dele “seduzindo” Sue, foi totalmente gay. Sue caindo nessa, foi constrangedor e um absurdo, nem ela é tão ingênua assim para não ter notado que era armação. A série tentou explicar ao dizer que ela se sente sozinha e carente, mas não colou. E o resto foi como eu disse desagradável. Rachel me deu pena nesse episódio. Seriously?? Ela precisava da cena dos ovos? Que humor negro pesado e de mal gosto. E por que Jessé fez aquilo? Ridículo. Ele some da série e volta para jogar ovos nela? Que de tão terrível aconteceu para ele estar com raiva dela? Primeiro, nunca foi uma grande história de amor, porque a série não soube desenvolver isso. Logo não coube absolutamente nada nesse episódio que fosse coerente entre Rachel x Jesse, Adrenaline + Jesse x Glee Club. A apresentação inicial do vocal adrenalina não foi nada demais. O Glee CLub voltar ficar inseguro, foi pior ainda. E pior que isso é novamente Will fazer um monte de besteiras no episódio e não dar créditos, não acreditar nos garotos. Ao invés dele fazer o papel de educador e passar confiança e liderança ele também se sentiu ameaçado. Seria normal os garotos antes de uma competição assim ficarem inseguros, mas a série já extrapolou esse tema, ao sempre mostrar eles não acreditando em si mesmos. E pra que tudo isso? Para que tanta lingüiça? Para no final fazerem um número ótimo e recuperarem algo de fato nunca perderam? Nota: zero!!!

E a única coisa decente do episódio, prazerosa para se ver e bonita, foi Quinn. Lindo solo musical dela. Lindo as grávidas. Bela performance e Quinn brilha em cenas dramáticas. A cena final dela com Mercedes recuperando o seu cérebro, foi bem comovente, quando ela convida Quinn para morar com ela. Só tenho algumas considerações: os chiliques de Mercedes antes dessa cena foram péssimos porque após tudo que Quinn fez por ela nos episódios anteriores, não coube Mercedes tratar Quinn mal e porcamente até recuperar sua razão. A dança das grávidas me pareceu forte demais para barrigas naquelas gestações. Quinn na dança final também novamente me fez o lembrar o que os roteiristas esquecem sempre – que ela está grávida e nem poderia mais estar dançando daquele jeito no palco.

Mas o pior erro é a série não ter se prestado a mostrar em cenas o drama de Quinn e Puck. A dificuldade dela na casa dele, tanto do lado dela, quanto do dele. A série simplesmente esqueceu da personagem e a deu pequenas citações sobre algo que deveria ter sido mostrado. Está aí o maior defeito de Glee, ela não desenvolve as histórias. Simplesmente do nada joga tudo num episódio e não trabalha isso. A mãe de Rachel apareceu em uma cena, e mais nada foi falado dela e Rachel. Jesse sumiu após a linda cena no carro com Shelby e aparece agora jogando ovos em Rachel.

Pelo menos Quinn foi uma personagem que evoluiu e esta cada vez melhor. O solo emocionou, foi um tapa na cara de todo mundo e mostrou que se um professor como Will não tem conteúdo, ela aprendeu muito com o que tem passado e tem algo a dizer e a mostrar, mesmo que eles fiquem com aquelas caras abobadas assistindo.

21 episódios. 10 bons, 11 ruins. Espero que a série se encontre e melhore isso na temporada 2. Antes disso, espero que o 22º episódio, Jorney, emocione e eu possa usar muito bom ou excelente para ele, pois já estou cansado de episódios insatisfatórios e razoáveis.

Pilot: Excelente

2 Showmance: muito bom

3 Acafellas: péssimo

4 Preggers: bons e maus momentos, fraco no geral

5 The Rhodes not taken: muitos amaram, eu odiei, fraco.

6 Vitamin D: divertido mas fraco. Pelo menos melhor que o 3, 4 e 5.

7 Throwdown: excelente

8 Mash-Up: excelente

9 Wheels: excelente

10 Ballad: excelente

11 Hairography: excelente

12 Mattress: excelente

13 Sectionals: bom

14 Hell-O: bons e maus momentos, fraco

15 The Power of Madonna: bons e maus momentos, fraco

16 Home: bons e maus momentos, fraco

17 Bad Reputation: bons e maus momentos, fraco

18 Laryngittis: bons e maus momentos, fraco

19 Dream On: bons e maus momentos, fraco

20 Theatricality: bons e maus momentos, fraco

21 Funk: péssimo

Explore posts in the same categories: Glee

Tags: , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

2 Comentários em “GLEE – FUNK (1X21)”

  1. winne Says:

    oi boa noite concordo com algumas coisas ai em cima hehehe enfim se nao for te pedir muito voce sabe qual eh a musica que o JESSIE canta no inicio do episodio 21 vou fazer uma apresentacao e ela seria perfeita hehehe bom vo esperar por sua ajuda ok_!
    e-mail: spearspotter@hotmail.com
    facebook: winne woodsen

    • markinseries Says:

      ola
      valeu o coment
      o nome da musica é : “Another One Bites The Dust” by Vocal Adrenaline (originally by Queen). Jesse transfers back to Carmel High.
      espero ter ajudado. abs


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: